terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Pelo clima - Olha para o que digo, não olhes para o que eu faço

Tudo se baseia em que o planeta está a mudar, atendendo aos estudos dos dados, DESDE QUE há registos... este DESDE QUE é que me deixa com pontinhos de interrogação... melhor dizendo: por isso não se sabe se, em algum momento, já foi mais quente e as temperaturas diminuíram posteriormente... porque - sublinho que não sei nada de nada destes assuntos - em tudo há ciclos... até há aquele velhinho das vacas gordas, vacas magras, vacas gordas, vacas magras... mas , diga-se a verdade que , neste como em outros assuntos em que a maioria se acha dona da verdade ai de quem discordar dessa verdade, só não mandam as pessoas para a fogueira pq esse tempo já passou (!!!) e, entretanto, não sinto nem governos, nem cidadãos mudarem os seus comportamentos e atitudes...falar é que é fácil... agir dá muito trabalho; conclusão: não são convincentes as pessoas...
Pelo menos , por cá, as políticas, não indicam nenhuma inversão de marcha... investem nas eólicas semeadas por esses morros fora, mas teimam em destruir o último rio selvagem de Portugal (Sabor) para fazerem uma barragem; querem que os cidadãos utilizem os transportes públicos e automóveis eléctricos, mas investem em estradas e andam a altas velocidades, querem o ar "limpo" e mantêm que a co-incineração em Souselas não é nociva... vá-se lá entender estas contradições...

Sem comentários: