terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Manuel Alegre, o instrumentalizado...

http://diario.iol.pt/politica/alegre-educacao-psd-avaliacao-professores-escolas/1029277-4072.html

O deputado socialista Manuel Alegre afirmou que se recusará votar a favor do projecto do PSD para a suspensão da avaliação dos professores, na quinta-feira, no Parlamento, o que compromete em definitivo a viabilidade do diploma.

(…)
Alegre disse sentir-se «desconfortável» perante o agendamento do projecto do PSD, porque se trata de um diploma que apenas pretende salvar a face dos professores.
«Não serei instrumentalizado por um projecto que não tem como razão de fundo a suspensão da avaliação dos professores», acrescentou.
A posição de Alegre de exclusão do voto a favor do projecto do PSD deverá ser acompanhada por mais três deputadas socialistas: Teresa Portugal, Júlia Caré e Eugénia Alho.
Por outro lado, o deputado socialista João Bernardo (que antes votou ao lado do CDS) optará agora pelo voto contra o projecto do PSD, o mesmo fazendo a sua colega de bancada Odete João (que antes tinha optado pela abstenção).
Sem os votos a favor de seis dos sete deputados «rebeldes» socialistas (falta apenas conhecer a posição de Matilde Sousa Franco), o diploma do PSD deverá ser rejeitado.


Coitadinho do poeta ... Manuel Alegre, o instrumentalizado...

Poucas palavras para qualificar estas atitudes: metem-me nojo!!!

2 comentários:

Adriana disse...

Mesmo à distância, compartilho de teus sentimentos.

paula montez disse...

Reunião organizada pela CDEP com a presença de dirigentes sindicais e representantes dos movimentos dos professores. 6ª. Feira, dia 9/Jan, às 18:30 no Auditório da Biblioteca Municipal de Oeiras. Mais informações aqui:

http://escolapublica2.blogspot.com/2009/01/reunio-auditrio-da-biblioteca-municipal.html